domingo, novembro 10, 2013

Comece a Viver de Verdade

Desde cedo tive que colocar a cara a tapa e me expor para conseguir o que queria. Não é novidade que meu primeiro emprego (de carteira assinada) no Brasil foi de “continuo” (nem sei se tem mais este termo, parece que agora é Office Boy). Porém o contínuo não ia apenas fazer pagamentos nos bancos, na realidade chega as 7 da manhã para varrer a empresa, passar pano, lavar os banheiros e as 9:30 estava pronto para ir fazer pagamento nos bancos. Coloquei minha cara a tapa pois muitos diziam: “mas peraí, tua família trabalha toda na UFC, tu é filho do Edivaldo Diógenes e tu tá lavando o chão?”. Pois é, isso nunca foi um problema para mim e tanto meu Pai quanto minha Mãe nunca acharam que eu deveria começar lá de cima (até desejavam), mas entendiam a necessidade de eu seguir minha caminhada começando de baixo mesmo, e alcançando passo a passo meu espaço.

Hoje vejo pessoas que não vivem a vida “de com força”, pois ficam justificando suas derrotas ou não tentativas de fazer acontecer em algo. Tem gente que já pega um desafio pensando “qual vai ser a desculpa que vou dar se eu falhar”. Com o tempo colotei uma série de frases que me fazem refletir como as pessoas as vezes deixam a inveja e a incapacidade de conseguir algo ser externada com palavras. As top 5 são:

  • A mas ele conseguiu isso por que tem um peixe....sem dúvida.
  • Perder peso morando nos EUA é fácil, lá a comida saudável e a suplementação é mais barata.
  • Esse cara aí? Isso tá tomando algo, pois ninguém muda assim tão rápido.
  • Esse bicho tem sorte, eu com uma sorte dessa tava era melhor que ele.
  • Se eu tomasse o que ele toma também tava bem como ele.

O que há de igual por trás destas frases? O sujeito que expeliu isso não está vivendo, está observando a vida do outro e tentando justificar a sua inércia neste mundo. O fato é que para fazer acontecer você tem que agir, nada vem de graça. Na minha época de instrutor de cursos de Certificação Microsoft no Brasil tive alunos que chegavam lá com todas suas economias, gente que vendia o carro para comprar o pacote completo do curso, para fazer, aprender, estudar, passar e procurar um emprego melhor. Todos que eu conheci que tinham este plano na mão e a capacidade de executar de acordo com o plano (sim, pois apenas ter um plano não garante seu sucesso, você precisa ter disciplina e competência para executar o plano com sucesso) tiveram um excelente futuro. Nada vem de graça meu caro, nada. Os sacrifícios são diários, seja no trabalho, seja na vida pessoal com sua família, seja consigo mesmo na sua dieta e treino, tudo tem um preço.

Tem uma frase do filme Rocky Balboa (que no Brasil o pessoal chama de Rocky 6) que diz o seguinte:

image

“Ya gotta be willing to take the hits, and not pointing fingers saying you ain’t where you wanna be because of him, of her, or anybody! Cowards do that and that ain’t you.”

“Voce precisa está decidido a tomar as pancadas e não apontar o dedo dizendo que você não está aonde queria estar por cause dele, dela ou de ninguém. Covardes fazem isso e não você.”

Está é uma frase que o Rocky diz a seu filho e acho que todos os pais deveriam dizer. Pare de apontar o dedo dizendo que sua falha é por causa de A, B ou C, você é responsável pelos seus atos e escolhas, ponto final! Eu poderia ter me tangenciado para um futuro triste e depois poderia ter dito que a culpa foram dos meus pais, que se separaram quando eu tinha apenas 4 anos, que eu tive um segundo grau horrível pois estudei em colégio público, que eu era gordo pois tinha problemas hormonais, etc. Para tudo é possível arrumar uma desculpa (a famosa “excuse”). Porém, é isso mesmo que você quer? Ficar justificando a vida inteira o “por que” de não ter dado certo algo? Se não deu certo, assuma o erro e aprenda com ele, pelo menos você tentou, aprendeu e na próxima vez vai fazer melhor. Não existem falhas, existem aprendizados...a experiência vem com o tempo, no árduo trabalho de constantemente executar com disciplina e foco.

Quando fui convidado em Outubro para palestrar no CSO (Chief Security Officer Council) da Microsoft eu não nego, balancei um pouco. Não por temer o teor técnico da conversa, mas sim o público e a resposta deles. Eram 25 CSOs de grades empresas mundiais (não posso citar o nome pois é NDA), mas para você ter uma ideia no dia que palestrei quem fez a abertura foi o VP (Vice President) de Cybersecurity da Microsoft.

image

Então tudo mexe um pouco com agente, o que é normal. Depois de ter aceitado o convite eu conversei com a minha esposa e disse: “confesso que aceitei o convite pelo simples fato de que se eles me convidaram é por que acreditam no meu trabalho, então quem sou eu para duvidar.” Isso também me fez lembrar uma gerente que eu tive na época que estava no time de escalação do Forefront TMG que me disse: “se vc quer essa promoção procure algo quente para pegar, se você ver o circo pegando fogo, pule no fogo e apague...é aí que você vai mostrar leadership.” Por sorte tive excelentes mentores durante minha vida e guardo em minha mente frases importantes como essa que poderei usar em várias áreas de atuação. Em fim, o evento excelente e o público gostou....no final posso até mencionar a famosa frase do Tropa de Elite: “missão dada é missão cumprida!”

Quis trazer este exemplo pois é assim (durante as provas de fogo) que você vai colocar em teste sua auto-confiança e seu autodesenvolvimento pessoal e profissional. Imagina se eu tivesse aceitado o convite e já começasse a criar desculpas para justificar uma possível falha? Primeiro que eu já entraria derrotado (pois tinha mentalizado a derrota), segundo que a desculpa não iria justificar a derrota perante aos que confiram em mim para o evento. Então meu caro, não mentalize uma desculpa, mentalize e foque na vitória, pois se você perder pelo menos vai saber que deu o melhor de si e aprendeu muito com essa experiência.

Uma excelente semana para todos!

17 comentários:

Fabeko disse...

Eu poderia pegar esse seu texto e pregar uma semana no meu grupo de casais. Ou falar para jovens como você! Parabéns!

Fabeko disse...

Eu poderia pegar seu texto e pregar uma semana para meu grupo de casais ou simplesmente falar dele para os inúmeros jovens que eu conheço desse jeito! Grande abraço e parabéns!

B@silisk informática disse...

Show de bola

Yuri Diogenes disse...

@Fabeko - obrigado meu amigo, vc é um cara que nunca buscou desculpas, sempre fez acontecer do seu jeito. Vc tb é um exemplo. Abração!

André Mendes disse...

Amigo, OBRIGADO POR ISTO!

Yuri Diogenes disse...

De nada André :)

Emilio Mansur disse...

"Você deixa definitivamente a adolescência e entra na maturidade quando assume 100% de responsabilidade por sua vida e pelos seus resultados!"
Se não me engano, o autor é Jim Rohn, mentor do tão citado por você, Tony Robbins :)

Yuri Diogenes disse...

Verdade Mansur. Infelizmente tem muito (mas muito mesmo) adulto que ainda não chegou a 100% de maturidade neste respeito e continuam buscando desculpas para suas falhas.

Obrigado pelo comentário e pela leitura.

Abs

Nixon Torres disse...

Valeu Yuri! Fantástico cara!

Yuri Diogenes disse...

Obrigado Nixon, que bom que gostou. Abs

:: André Ruschel :: disse...

Excelente Mestre, uma verdadeira lição. Obrigado por compartilhar. Grande abraço!

Alexsandro Nunes Lacerda disse...

Parabens grande Yuri, infelizmente nao é todo mundo que se motiva com desafios.

Yuri Diogenes disse...

Sem dúvida Alexsandro, e é totalmente OK se a pessoa quiser viver uma vida simples, sem desafios ou com desafios de menor escala. O que é errado é esta pessoa querer justificar a inércia dela através do desmerecimento do sucesso do outro.

Abs

Yuri Diogenes disse...

Obrigado pelo seu comentário André Ruschel. Bom saber que gostou! Abs

Unknown disse...

É amigo poucas pessoas tem a coragem de pegar para sí o desafio que a vida coloca. Quantas vezes você já ouviu a frase?

Porque a vida é assim?
Porque ela é tão dura comigo?
Ou a mais classica, o que fiz para merecer isso?

Muitas pessoas justificam sua falha sem ao menos se vestir para a luta, eu já passei por bastante coisa encarei situações que não desejo a ninguém, mais se me perguntasse se eu queria ter vivido tudo isso, certamente minha resposta seria:

Se pudesse voltar no tempo, viveria cada Segundo da mesma forma que tive a oportunidade de viver, as experiências são indescritível e se hoje sou a pessoa que sou, certamente porque tive o privilégio de viver tudo e encarar cada situação.

Ótimo texto amigo, meus parabéns.

Flavio Hoonda disse...

Grande Yuri, texto motivador, como dizem é fácil julgar e falar que o cara tem sorte, mais não sabe o que o cara fez para estar onde esta, parabéns pelo belo trabalho. abraços,

Yuri Diogenes disse...

Obrigado pelos comentárioa Flávio e Unknown.